diário de gravidez - semana 24 e 25



Com mais um diário de gravidez, agora vamos falar sobre a semana 24 e 25. Bom, nessas duas semanas estive doente, sim infelizmente estive muito gripada e estou sendo medicada. Aproveito para deixar o alerta para todas as gravidas: por favor evitem friagem, pés descalços mexer com água, porque tudo isso ocasiona uma gripe terrível (pelo menos no meu caso). Mas como estou em fase de recuperação posso contar para vocês como foi essas duas semanas. 

Na semana 24 eu estive bem sem novidades, porém menos inchada e com menos dores nas costas só doía os pés se eu ficasse muito tempo em pé. Também consegui passar em minha primeira consulta do pré natal pelo convênio, e posso dizer que gostei do atendimento da forma como o médico se preocupou em saber como eu estava, enfim foi totalmente diferente do que as consultas  que venho tendo pelo SUS, acho que sem comparações, alias o médico do convenio ainda me advertiu de todos os dias medir minha pressão e anotar para levar no retorno pra ele está acompanhando. Em suma eu gostei muito e pretendo terminar meu pré natal nos dois, já que é meu direito e também porque vou ter meu bebê no público acho justo ter as duas impressões mesmo que pelo sus seja um caos, infelizmente. 

Domingo participei do chá de bebê da minha prima, foi muito bom além de poder estar em família, ela caprichou nos detalhes e na comida,rs. Comi muuuuito e me diverti também, vejam alguns desses momentos que registramos em fotos:

As grávidas, da esquerda pra direita: a dona da festa (minha prima),eu e a amiga dela.

Momento de descontração em família



Entrei na semana 25 ontem e até agora to me sentindo normal, ainda indisposta por causa da tosse, mas como sempre o Nicolas tem estado cada vez mais ativo, gente ele não para de se esticar na minha é tão lindo, tão perfeito que todas as vezes que ele se  mexe eu acho que é a primeira vez, é realmente incrível esse momento. Teve uma noite dessas onde eu estava deitada de lado e ele me deu um cutucão que até levei um susto daqueles, rs foi engraçado, já percebi que ele não gosta que eu deite do lado esquerdo ele sempre reclama. É incrível mas meu filho já tem personalidade gente,rs. Bom resumindo é isso, como vocês viram não tive muito o que falar nessas semanas, mas pretendo ter muitas novidades semanas que vem.



Hoje eu quero aproveitar o espaço para expressar todo meu amor pelo meu filho, de como ele tem me feito um bem danado mesmo em meio ao caos ainda consigo suportar já que Deus me presenteou pela segunda vez com o dom de gerar vidas, então nada mais justo do que expressar todo esse amor em forma de poesia:


O verbo no infinito

Ser criado, gerar-se, transformar
O amor em carne e a carne em amor; nascer
Respirar, e chorar, e adormecer
E se nutrir para poder chorar

Para poder nutrir-se; e despertar 
Um dia à luz e ver, ao mundo e ouvir
E começar a amar e então sorrir
E então sorrir para poder chorar.

E crescer, e saber, e ser, e haver
E perder, e sofrer, e ter horror
De ser e amar, e se sentir maldito

E esquecer de tudo ao vir um novo amor
E viver esse amor até morrer
E ir conjugar o verbo no infinito...

Vinicius de Moraes





Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

"Obrigada por dedicar alguns minutinhos do seu tempo para comentar aqui.
Isso me motiva a continuar."
Volte Sempre!


Beijos ; )

0 comentários:

Postar um comentário